Acerca de

Lendo com lupa

Estamos de Olho ANS

Um case de sucesso de engajamento e mobilização social

 

Acompanhe AQUI as principais notícias sobre ANS

O Projeto: Fases 1 e 2 (2019/2020)

Em 2019, a Colabore com o Futuro criou a campanha

#EstamosDeOlhoANS, com o objetivo de conscientizar a

população sobre o processo de atualização do rol de

procedimentos da ANS (naquela época, o rol era atualizado

a cada 2 anos) e de engajar a sociedade na decisão do que

deve ser parte da lista de coberturas obrigatórias dos planos

de saúde.

Para isso, naquele ano criamos uma série de materiais

explicando o que é uma consulta pública e como a sociedade poderia participar da consulta pública para atualização do rol 2020. Também, incentivamos a sociedade a acompanhar pelo YouTube as discussões técnicas, para mostrar para a ANS que as pessoas ESTÃO DE OLHO e esperam que sua demanda seja atendida.

--->> Fase 1: Veja aqui os materiais sobre as reuniões técnicas antes das consultas públicas serem abertas: CAMPANHA: Estamos De Olho ANS (colaborecomofuturo.com)

--->> Fase 2: Veja aqui os materiais sobre a consulta pública aberta em 2020: CONSULTA PÚBLICA - CAMPANHA ESTAMOS DE OLHO ANS (colaborecomofuturo.com)

Engajamos mais de 30 grupos de apoio a pacientes na campanha, que divulgaram para seus pacientes os materiais, garantindo que os mesmos pudessem opinar sobre os medicamentos e procedimentos para as suas doenças.

 

Campanha: Fase 3 (2021)

Na fase 3 da campanha Estamos de Olho ANS, o foco foi

a consulta pública (CP) nº 84, que tinha o objetivo de 

encontrar uma solução para diminuir o tempo do processo

de atualização do Rol de Procedimentos sem comprometer

a qualidade técnica das análises, a transparência na tomada

de decisão e a ampla participação social no processo.

Também explicamos a consulta pública e seus objetivos de

forma muito simples, para engajar a sociedade no processo de decisão (Campanha Estamos de Olho ANS / Fase 3- CP Nº 84 (colaborecomofuturo.com)

 

RESULTADOS:

AUMENTAMOS EM 500% a participação da sociedade na consulta pública de 202 em relação ao rol anterior.

Processo de atualização do rol ficou mais ágil: passou a acontecer sempre, e não mais de 2 em 2 anos, isso significa que os interessados podem submeter os medicamentos/procedimentos para avaliação a qualquer tempo.

Além disso, o processo completo (desde a elegibilidade, avaliações até aprovação da DICOL), que antes demorava 24 meses, passou para 18 meses.

 

CAMPANHA 2022
Engajamento da população sobre novos medicamentos/procedimentos que estão sendo avaliados para incorporação no rol.